Corpo de homem é encontrado carbonizado em Montes Claros

0

O corpo de um homem foi encontrado carbonizado no galpão de uma cooperativa de laticínios desativada em Montes Claros, na manhã desta quinta-feira (5/4/2018). A Polícia Militar foi acionada pelo vigia do estabelecimento e suspeita que a morte ocorreu durante uma tentativa de furto.

“O vigia fazia uma limpeza e sentiu um forte cheiro, ao averiguar ele deparou com o corpo. No local encontramos um saco de linhagem com vários fios. Provavelmente, o homem entrou para furtar fios de cobre. Inclusive já registramos outras ocorrências aqui, quando um outro indivíduo entrou no local para roubar os fios e retirar o cobre para ser vendido posteriormente”, explicou o subtenente Gildasio Monção.

A cooperativa fica no Bairro Renascença e está desativada há 1 ano e 8 meses, devido a um processo de liquidação judicial por conta de problemas administrativos e financeiros.

No local, havia uma placa proibindo a entrada e alertando sobre o perigo da alta tensão. A perícia informou que não foi possível identificar a vítima nem saber quando ocorreu a eletrocussão. O corpo foi entregue à funerária e levado ao Instituto Médico Legal. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Presos com arma e moto roubada em Montes Claros

Dois homens, de 19 e 21 anos, foram presos nesta quinta-feira (5) com uma moto roubada em Montes Claros. De acordo com a Polícia Militar, os dois estavam em uma motocicleta no Bairro Alto da Boa Vista e tentaram fugir ao perceber a aproximação de uma viatura policial.

Os militares iniciaram uma perseguição e conseguiram abordar a dupla na Vila Sion. Um deles estava com uma pistola artesanal e com munições calibre .38. Ao consultarem o sistema da polícia, os policiais descobriram que a moto havia sido rouba no último dia 16 de março. A PM afirma que a vítima identificou os dois presos como sendo os autores do roubo.

Arma estava com munições calibre .38 (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Três criminosos roubam chácara e são presos

Três homens, de 22, 27 e 29 anos, foram presos suspeitos de roubarem uma chácara na zona rural de Montes Claros, na noite de quarta-feira (4). De acordo com a Polícia Militar, dois deles estavam armados e renderam os moradores dentro de casa; os criminosos fugiram no carro da família e foram encontrados pela PM durante rastreamento em uma Avenida, no Bairro Jaraguá II. Houve perseguição e um dos homens foi preso dentro de um clube da região após pular o muro. O veículo foi recuperado e os outros dois bandidos também foram localizados; um deles estava dentro de uma mata.

Além do carro, os bandidos levaram celulares, joias, crucifixo, utensílios domésticos, dinheiro, documentos e uma arma das vítimas. Os objetos foram encontrados com os presos e em uma casa no Bairro Clarice Athayde. A arma da família e os dois revólveres utilizados no crime estavam debaixo de uma cama. O carro da família passará por perícia.

Os três homens foram encaminhados para atendimento médico em função das quedas de muros e telhados durante perseguição e, em seguida, levados para a delegacia com os materiais recuperados. Até esta publicação, o procedimento pela Polícia Civil ainda estava em andamento.

Polícia Militar recuperou objetos da família (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

VER PRIMEIRO

Receba as notícias do Aconteceu no Vale em primeira mão. Clique em curtir no endereço www.facebook.com/aconteceunovale ou no box abaixo:


(Fonte: G1 Grande Minas)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.