Hospital de Turmalina anuncia medidas extremas devido à falta de recursos; Prefeitura Municipal divulga nota de esclarecimento

0

A direção do Hospital São Vicente de Paula, em Turmalina, no Vale do Jequitinhonha, divulgou na semana passada que, devido à falta de repasses e de investimentos por parte da Prefeitura Municipal, a unidade de saúde adotará medidas extremas, como restrições e racionamento no atendimento aos munícipes.

Em uma mensagem compartilhada em um aplicativo de mensagens, a informação é de que a Prefeitura já teria uma dívida de R$ 414.000,00 (quatrocentos e quatorze mil reais) com a unidade hospitalar.

Após a manifestação da direção do Hospital São Vicente, no dia 1º de novembro, a Prefeitura Municipal de Turmalina divulgou nota com o intuito de esclarecer que não possui dívida com a unidade hospitalar e informou ainda que não recebeu repasses para o Fundo Estadual de Saúde e do Fundo Estadual de Assistência Social, com isso, a dívida atinge o valor de R$ 12.352.936.47 (doze milhões, trezentos e cinquenta e dois mil, novecentos e trinta e oito reais e quarenta e sete centavos).

Segundo a nota da Prefeitura, Turmalina está declarada em “Estado de Emergência Financeira” por cento e vinte dias a partir de uma publicação feita no último dia 18 de outubro.

Leia a nota da Prefeitura:



VER PRIMEIRO

Receba as notícias do Aconteceu no Vale em primeira mão. Clique em curtir no endereço www.facebook.com/aconteceunovale ou no box abaixo:


(Com Conexão Minas)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.