Caratinguense executada em Coronel Fabriciano estaria sofrendo ameaças

0
Anglo Queimadas

Foi sepultada nesta segunda-feira (4/7), em Caratinga, Vitória Araújo de Faria Moreira, de 16 anos. A jovem foi assassinada no último fim de semana em Coronel Fabriciano, na Região Metropolitana do Vale do Aço. O corpo foi encontrado por um vaqueiro em uma estrada vicinal que fica às margens da BR-381, no anel rodoviário, no bairro Amaro Lanari.

Segundo a Polícia Militar (PM), a informação sobre o cadáver já havia sido comunicada no sábado (2/7), quando iniciaram as buscas, mas somente na manhã de domingo (3/7) ele foi localizado. O corpo da jovem só foi identificado na noite do mesmo dia. Vitória ia completar 17 anos nesta quinta-feira (7/7).

Ao ser encontrada, a adolescente vestia uma saia com estampa em amarelo, verde e vermelha e uma camiseta preta. No local onde o cadáver estava, a perícia da Polícia Civil recolheu dois cartuchos de calibre 36 deflagrados. O perito apreendeu ainda uma porção de maconha e cinco adesivos de LSD e constatou três perfurações de tiros na cabeça da vítima e sinais de violência sexual.

Na rede social do Facebook, a jovem se apresentava como “Vitória Maldinni” e na página aparece a frase: “Só curte bandido pois é mulher de curinga”. De acordo com familiares, quem moram no bairro Santo Antônio em Caratinga, a adolescente saiu de casa há cerca de dois meses para morar no Vale do Aço.

O último contato da jovem teria sido feito com a mãe, na quinta-feira (30/6). Na conversa, a jovem comentou sobre um desentendimento após ter recuperado algumas roupas furtadas e ainda deu a entender que estava sofrendo ameaças.

Local onde o corpo foi encontrado (Foto: Plantão Policial Ipatinga)

Imagem postada pela jovem em rede social (Foto: Reprodução/Diário Popular)

(Fonte: Diário Popular Ipatinga)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui