DER realiza serviços de manutenção em quatro rodovias dos vales do Jequitinhonha e Mucuri

0

O Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER-MG) concluiu os serviços de manutenção e conservação em quatro rodovias estaduais nas regiões dos vales Jequitinhonha e Mucuri. As melhorias, finalizadas entre fevereiro e março, se concentraram na MG-105, na MG-406, na MG-205 e na LMG-682, em trechos sob responsabilidade da 21ª Unidade Regional do DER-MG de Jequitinhonha.

Foram executados serviços de patrolamento, encascalhamento de pontos críticos e controle de erosão, além de limpeza de bueiros, roçadas, execução de remendos profundos em trechos pavimentados e instalação de nova sinalização horizontal.

O trecho de 36,6 quilômetros de extensão, entre Rio do Prado e Rubim, foi um dos contemplados na MG-406. O segmento, mesmo sendo em revestimento primário, é muito utilizado para escoar a produção agrícola dos municípios na área de influência da rodovia estadual, sentido BR-367. 

Pontos críticos

Na MG-105, em trecho também não pavimentado, foram executados patrolamento e encascalhamento de pontos críticos nos 13,6 quilômetros da rodovia que ligam Joaíma à Fronteira dos Vales. Na mesma estrada, em outro ponto pavimentado com 25 quilômetros, entre o trevo do município de Jequitinhonha até Joaíma, a sinalização horizontal foi revitalizada. O trecho é uma das alternativas de ligação entre os vales Jequitinhonha e Mucuri.

Na LMG-682, o trecho entre Machacalis e Águas Formosas, com 25 quilômetros de extensão, situado no Vale do Mucuri, também passou por serviços de conservação e manutenção. O percurso pavimentado recebeu serviços de remendo profundo em pontos específicos da rodovia, de forma descontinuada. Por fim, na MG-205, entre Felisburgo e o entroncamento para MG-105, próximo a Joaíma, a sinalização horizontal foi toda revitalizada em 29 quilômetros.

Na avaliação do coordenador regional do DER-MG, em Jequitinhonha, Vinícius Gatti Queiroga, “as rodovias que passaram por manutenção são responsáveis por grande parte do escoamento da produção de insumos, além de ser o acesso da população rural aos serviços essenciais disponíveis em outros municípios da região, como Umburatiba, Santa Helena de Minas, Bertópolis, Machacalis e Águas Formosas”.

——————
Quer receber as notícias do Aconteceu no Vale em primeira mão? Siga-nos no Facebook @aconteceunovale, Twitter @noticiadosvales e Instagram @aconteceunovale.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui