Morador de Montes Claros realiza campanha para tratamento de câncer raro

1

Duzentas pessoas no mundo já foram diagnosticadas com um tipo raro de câncer no abdômen; e este é o caso de André Guedes, um designer de 30 anos que vive com a esposa e dois filhos, de um e cinco anos, em Montes Claros, no Norte de Minas. O caso ganhou repercussão nas redes sociais após André fazer um vídeo contando sua história.

Segundo especialistas, o tumor conhecido como Desmoplásico de Células Redondas é uma doença rara e apenas 200 casos foram notificados em todo o mundo. A doença se desenvolve de forma silenciosa no corpo. O médico oncologista Levindo Figueiredo explica como o tumor se manifesta.

“Ele é agressivo por uma característica do próprio do tumor. A célula produz muito tecido fibroso ao redor dela e isso facilita a disseminação dessa célula dentro do abdômen. Entre os sintomas da doença estão o aumento do tamanho do abdômen, acúmulo de líquido, sensação de plenitude e uma saciedade precoce, porque o estômago já está sendo comprimido”, alerta.

André é uma das poucas vítimas do tumor que cresce rapidamente e já pesa cerca de cinco quilos no corpo do designer. Ele já começou a fazer quimioterapia, mas foi em um hospital de São Paulo que encontrou a possibilidade de cura, através de uma cirurgia. O procedimento custa R$ 250 mil e, para arrecadar a quantia, André e alguns amigos organizaram uma campanha na internet.

“Eu não imaginava tanta mobilização e mensagens de apoio. Estamos apenas no início da campanha, mas sei que vamos conseguir chegar lá”, diz André.

A esposa dele, Sally Magalhães, relata como são os momentos ao lado do marido. “A gente sofre muito e pensar que podemos estar dando o último abraço, mas isso nos une ainda mais”, conta.

Campanha

Para mais informações sobre o caso do André Guedes acesse o site da campanha (www.salvesalveandre.com.br) e saiba como fazer sua doação.



(G1 Grande Minas)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.