Operação Querubim apreende adolescentes que torturaram e mataram mulher em Curvelo

0
Semana do Empreendedorismo Sebrae Nanuque

A Polícia Civil em Curvelo, região central do estado, realizou na manhã desta terça-feira (16/02) a “Operação Querubim”, resultando no cumprimento de seis mandados de busca e apreensão e três mandados de internação provisória dos adolescentes, suspeitos de participarem do homicídio de Nayana dos Santos Ramos, de 28 anos, torturada e morta na cidade em novembro de 2014.

A vítima era usuária de entorpecentes e foi morta depois de um dos membros de uma quadrilha de tráfico de drogas do município utilizar o celular dela para ameaçar um integrante da organização criminosa rival.

De acordo com as investigações, Nayana não tinha envolvimento direto com os grupos criminosos, mas era amiga de integrantes de duas gangues que atuam no município. “O chefe de um dos grupos criminosos havia sido assassinado e um integrante do grupo rival ligou do celular da vítima. O indivíduo que estava sendo ameaçado ouviu Nayana rindo ao fundo, razão pela qual resolveram assassiná-la”, explicou o delegado responsável pelo caso, Robert Carvalhaes.

O corpo de Nayana foi encontrado parcialmente carbonizado no dia 16 de novembro de 2014, em uma fazenda no bairro Vela Vista II. Devido ao estado de decomposição em que o cadáver se encontrava, agravado pela ação do fogo, só foi possível a identificação posterior da vítima, uma vez que, junto ao seu corpo, estavam objetos pessoais, assim como foram conservadas uma tatuagem grafada no ombro esquerdo e outra na perna.

Foi apurado que no dia do crime Nayana foi até uma boca de fumo e uma das organizações criminosas que foi ameaçada por meio do telefone da vítima passou a torturá-la, indagando-a sobre as ameaças. Na ocasião, ela teve o couro cabeludo totalmente raspado. Em seguida, a vítima, levada por cinco suspeitos para um matagal, foi executada por disparos de arma de fogo e, em seguida, queimada.

A Polícia Civil, a partir de intensas investigações, conseguiu identificar todos os suspeitos e partícipes da ação, sendo cinco adolescentes. Um deles já cumpria internação e outro ainda é procurado pela polícia. Durante as buscas, foram encontradas duas espingardas, uma calibre 20, alma lisa, e outra calibre .22, de alma raiada; além de 16 cartuchos de calibre 20 e 60 munições de calibre .22.

Três dos envolvidos no homicídio, um já estava internado (Foto: Divulgação / Polícia Civil)

(Fonte: PCMG)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.