Polícia Civil de Capelinha prende traficante e combate som alto em veículos automotores

0

Quando a população de Capelinha acordou, na manhã deste sábado, 19 de dezembro, a Polícia Civil já estava na ativa em operações que visam retirar traficantes de circulação e também combater o som alto em veículos automotores.

No bairro Maria Lúcia, foi cumprido um mandado de busca e apreensão na casa de J.P.S, suspeito de ter praticado um crime bárbaro em Capelinha, recentemente, na companhia de outros dois suspeitos. Com J.P.S foi encontrada uma pedra bruta de crack, que, segundo o próprio traficante, seria transformada em mais de 40 pedras menores, e seriam comercializadas em Capelinha neste final de ano. Foram apreendidas ainda oito pedras menores de crack, já embaladas para a venda. A Polícia Civil apreendeu também com o traficante R$ 652 em dinheiro e um Fiat Uno. Seguindo a máxima da maioria das pessoas presas com drogas, o suspeito alegou ter comprado a pedra bruta de crack de “um desconhecido”, na Praça Sete, em Belo Horizonte.

Já no povoado de Resplendor, que, no dia 17 de dezembro, por ação da Polícia Civil (com apoio operacional da Polícia Militar) se viu livre de um traficante que atuou também em Nova Serrana, aconteceu na manhã deste sábado, dia 18, a apreensão de dois veículos. Segundo informações da Polícia Civil, nos carros havia verdadeiros “trios elétricos”, isto é, equipamentos de som de alta potência, que há tempos vêm perturbando a paz de várias famílias da comunidade. No momento da chegada da polícia em Resplendor, havia cerca de 50 pessoas em bar num posto de gasolina, que foram abordadas por dois policiais civis e dois militares. “Resplendor, Deus permitindo, nunca mais será o mesmo”, comenta o inspetor de polícia, Iruan Cardoso.

Outros três mandados de busca e apreensão foram cumpridos neste sábado. Durante todo o final de semana, também haverá ações policiais em Capelinha. “A diferença não está necessariamente em ser diferente, mas, sobretudo, em fazer a diferença”, salienta Iruan Cardoso. A equipe da Polícia Civil é formada por Farlei, João, Rafael, Vieira e Olegário (Rambo).



(Fonte: Reportagem: Rosa Santos – Jornal Local / Inspetor Iruan Cardoso / Fotos: Polícia Civil)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.