Plantão do Samu no Norte de Minas Gerais – 13 de maio de 2015

0
Semana do Empreendedorismo Sebrae Nanuque

Quarta-feira, 13 de maio de 2015

As unidades do SAMU realizaram nesta quarta-feira, em Montes Claros, 44 atendimentos, sendo 31 casos clínicos e 13 ocorrências de acidente de trânsito, todas envolvendo motocicleta.

Por volta das 23h, a unidade do Samu foi acionada para atendimento a duas vítimas de queda de moto, no Distrito Industrial. A condutora da moto, de 38 anos, se queixava de dor no polegar da mão esquerda. Um homem de 32 anos, que estava na garupa da moto, apresentava ferimentos nas pernas e ombro e se queixava de dor na panturrilha.

Às 19h10, um homem de 45 anos ficou ferido em uma colisão entre carro e moto, ocorrido na Vila Guilhermina. Ele conduzia a moto e se queixava de dor na clavícula.

Às 18h30, um homem de 25 anos colidiu de moto contra um carro e se queixava de dor nas pernas, onde apresentava corte de cerca de 12 cm, com sangramento ativo.

Às 18h10, a unidade do Samu foi acionada para atendimento a três vitimas de um acidente envolvendo duas motos, no bairro Sumaré. As duas motos colidiram lateralmente e os dois condutores e um jovem de 17 anos que estava na garupa de um dos veículos tiveram escoriações múltiplas e vários ferimentos pelo corpo.

Às 16h40 um homem de 29 anos caiu de moto no bairro Todos os Santos; às 10h50, um homem de 28 anos colidiu de moto contra um cavalo na comunidade Atoleiro, na BR-365, a três quilômetros de Montes Claros, e sofreu ferimentos na cabeça; às 7h50, uma mulher de 45 anos caiu de moto na Avenida Deputado Esteves Rodrigues.

Na madrugada desta quarta-feira, por volta das 2h, um acidente envolvendo dois carros na BR-135, bairro Santo Antônio, deixou três homens, de 28, 22 e 19 anos, feridos. Eles sofreram escoriações múltiplas, cortes e se queixavam de dor intensa.

Em todas as ocorrências os feridos receberam os primeiros atendimentos no local e foram encaminhados ao hospital para avaliação.

Nos últimos dias foram vários registros de acidentes envolvendo idosos, principalmente por atropelamento. O Samu orienta aos familiares que evitem deixar os idosos andarem sozinhos, pois, nessa fase da vida, os reflexos e movimentos ficam mais lentos, além de o idoso ser mais frágil, potencializando os riscos de se ferirem mais gravemente em caso de acidente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.