Governo reconhece situação de emergência em Capelinha, Salinas, Janaúba, Itinga e Divisa Alegre

0

A escassez de chuvas no país levou o Ministério da Integração Nacional a reconhecer situação de emergência em quatro estados da federação, sendo dois na Região Nordeste – Bahia e Sergipe – e dois no Sudeste – Minas Gerais e Espírito Santo. O decreto autoriza os municípios a solicitar verbas da União para ações de assistência e socorro nos locais afetados.

O estado com maior número de municípios afetados é Minas Gerais, com seis cidades atingidas: Capelinha, Divisa Alegre, Lagoa dos Patos, Salinas, Itinga e Janaúba.

No Espírito Santo, duas cidades foram atingidas pela estiagem: São Gabriel da Palha e Governador Lindenderg. Em Sergipe, a seca afeta o município de Poço Redondo, no sertão do Estado. Na Bahia, a estiagem em Crisópolis justificou o reconhecimento da situação de emergência.

O decreto foi publicado hoje (8) no Diário Oficial da União e também contempla municípios de dois estados que enfrentam problemas pelo excesso de chuvas. Na Bahia, Candeias enfrenta deslizamentos e Santo Amaro, inundações. Já no sul do país, em São João Batista, Santa Catarina, o reconhecimento da situação de emergência se deu por motivo de enxurradas. (Agência Brasil)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.