Minas Gerais deve produzir 12,6 milhões de toneladas de grãos na safra 2014/15

0

Trigo é um dos destaques com aumento de 70,5% na produção. A produção de milho, soja e café também deve subir em relação à safra anterior

Minas Gerais deve colher 12,6 milhões de toneladas de grãos na safra 2014/15, respondendo por 6,3% da produção nacional, de acordo com o terceiro levantamento realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Os dados mostram um aumento de 8,4% na produção das lavouras mineiras em relação ao crescimento de 4,2% na safra brasileira, que deve alcançar 201,6 milhões de toneladas.

O Estado é o quarto maior produtor brasileiro de trigo – Foto: Divulgação/Embrapa

Um dos destaques no quadro de crescimento da produção de grãos em Minas é o trigo. Segundo a Conab, a safra do cereal, no Estado, deve alcançar 204,3 mil toneladas, variação positiva de 70,5%. A produção nacional prevista é de 5,9 milhões de toneladas, uma progressão de 7,6%.

De acordo com dados do Programa de Desenvolvimento da Competitividade da Cadeia do Trigo em Minas Gerais (Comtrigo), criado pela Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), o Estado é o quarto produtor brasileiro do cereal – atrás do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina – podendo em breve ocupar a terceira posição.

O coordenador do programa, Lindomar Antônio Lopes, considera que a autossuficiência em trigo brasileira poderá ser alcançada com o fortalecimento do cultivo nos cerrados do Brasil Central, onde Minas ocupa papel importante, pelos fatores favoráveis de solo, proximidade do mercado e estabilidade climática.

“A integração dos principais componentes da cadeia produtiva do trigo no Estado é o objetivo principal do Comtrigo, e as ações do programa incluem o desenvolvimento da cultura no Brasil Central”, enfatiza.

Mais milho, soja e feijão

A produção de milho (primeira e segunda safra) no Estado deve somar 7,3 milhões de toneladas, volume 5,7% maior que o registrado na safra anterior. Já a safra paulista, segunda no ranking da região Sudeste, deve ficar em 3,6 milhões de toneladas, aumento de 1,8%. Para o país, a Conab prevê uma safra de 78,7 milhões de toneladas, recuo de 1,5% na produção em relação ao período anterior.

No caso da soja, a safra mineira deve somar 3,9 milhões de toneladas, variação positiva de 17,5%. A safra total do país deve somar 95,8 milhões de toneladas, equivalentes a um avanço de 11,2%.

Para o feijão, a perspectiva é de uma safra da ordem de 589,2 mil toneladas, aumento de 2,5% em relação ao período anterior, enquanto os dados do país mostram redução de 5,3%, pois a safra prevista é de 3,2 milhões de toneladas.

(Agência Minas)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.