Home / Vale do Jequitinhonha / Jovem morre baleada em Itinga e médico diagnostica morte por causa natural

Jovem morre baleada em Itinga e médico diagnostica morte por causa natural

De acordo com a Polícia Militar, a suspeita é que a motivação do crime seja passional.

Uma jovem de 21 anos foi baleada nas costas e morreu, na madrugada de domingo (23), próximo ao mercado municipal, no bairro Cidade Nova, na cidade de Itinga. Ela foi levada para a Policlínica local, onde o médico de plantão diagnosticou morte por causa natural. Somente na funerária, em Itaobim, foi descoberto que ela tinha sido baleada.

Um adolescente de 17 anos, irmão da jovem, contou que ela havia saído de uma danceteria e seguia para casa de um irmão, por volta das 3h30 da madrugada, em companhia de amigos, quando dois homens, montados em uma moto, se aproximaram do grupo e efetuaram vários disparos.

Os homens foram identificados como os irmãos, D.D.F, o Dim, de 37 anos, e G.A.D.F, o Bazé, de 20 anos. Durante a confusão, Milene Caroline Amaral Brito, de 21 anos, foi baleada nas costas.

Os homens atiraram também contra o namorado dela, J.A.B.M.N, o Netinho, 21 anos, que não foi atingido. Ele seria o verdadeiro alvo, já que momentos antes do crime, discutiu com suspeito “Bazé”.

Segundo a Policia Militar o motivo do crime é passional e que G.A.D.F, suspeito de ser o autor dos disparos, teria uma rixa antiga com o Netinho por causa de uma antiga namorada.

O adolescente contou que ouviu 4 tiros e em seguida, viu a irmã dele caída ao chão. Ela foi levada para policlínica por ele e por populares que passavam pelo local.

Ainda segundo o menor, Milene Caroline não apresentava sangramento, o que o fez pensar, que ela estaria desmaiada. Ainda segundo informações não confirmadas, ela estava grávida de 2 meses.

De acordo com a Polícia Militar, a enfermeira que atendeu a ocorrência contou que a mulher já chegou morta àquela unidade de saúde e o médico de plantão diagnosticou a morte como causa natural.

No entanto, durante a preparação do corpo em uma funerária de Itaobim, o agente funerário descobriu que havia uma perfuração nas costas da jovem.

Diante os fatos, este então acionou os militares da respectiva localidade que comunicaram o fato aos militares do destacamento de Itinga. Segundo os militares de Itinga afirmaram que o rastreamento para localizar os criminosos, foi prejudicado porque o crime foi comunicado horas depois de ocorrido.

Os dois homens continuam foragidos. A jovem será sepultada no cemitério municipal de Itinga. As informações são do site Gazeta de Araçuaí.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>