Home / Vale do Jequitinhonha / Populares tentam queimar ponte na BR-367

Populares tentam queimar ponte na BR-367

Por Vicente Alves / Portal Aconteceu no Vale

O descaso do Governo Federal com o trecho da rodovia BR-367, entre os municípios de Minas Novas e Virgem da Lapa, está levando a população a tomar medidas drásticas. Na última semana, populares do município de Berilo resolveram queimar a ponte sobre o Ribeirão Água Suja, na saída da cidade para o município de Chapada do Norte.

A população não aguenta mais o risco representado pela construção às centenas de pessoas que trafegam pelo local diariamente. Por se tratar de uma ponte antiga e que não recebe as devidas manutenções, a possibilidade de ocorrer uma tragédia no local é muito grande.

ASSISTA O VÍDEO:
(Vídeo registrado pelo internauta Mercinho)

FOTOS DA CONSTRUÇÃO:
(Fotos: Adam Ray)


Sabemos que o vandalismo não soluciona o descaso com a ponte e de forma geral com o Vale do Jequitinhonha, mas entendemos perfeitamente que a população não aguenta as promessas não cumpridas. Exemplo disso é a promessa feita pela Presidente do Brasil, Senhora Dilma Rousseff, em um discurso durante a inauguração da Barragem de Setúbal, em Jenipapo de Minas, em janeiro de 2011. “Nós vamos, agora, prometer mais uma obra que nós iremos cumprir, que é o asfaltamento dos dois trechos da 367.”, conforme podem ouvir e assistir no vídeo abaixo.

Três anos se passaram e nada do tão sonhado asfaltamento prometido pela presidente. Como tentativa de amenizar a péssima condição de tráfego no trecho, em fevereiro deste ano, o exército brasileiro iniciou uma obra de recuperação após a liberação de recursos de um projeto que custará mais de 23 milhões de reais aos cofres públicos somente para conservação, conforme podem ver no outdoor instalado às margens da rodovia anunciando a obra. Agora eu te pergunto, e o asfalto? Vão gastar 23 milhões do seu bolso somente para fazer uma obra paliativa.

(Foto: José Maria Almeida)

Portanto “abram os olhos até o branco” meus caros eleitores, estamos em ano de disputa eleitoral, e mais uma vez os “paraquedistas” virão até o Vale fazerem promessas que não serão cumpridas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>