Minas Gerais tem 39 cidades com alerta de chuva forte

0

Minas Gerais segue em alerta às ocorrências de chuva forte. Previsão meteorológica divulgada pelo Instituto Mineiro de Gestão das Águas (IGAM), nesta segunda-feira (27/01/2020), indica que a Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS), responsável pelas tempestades na semana passada, segue atuando sobre o Estado.

Desta vez, as consequências do fenômeno devem ser vistas nas regiões Norte, Nordeste (vales do Jequitinhonha e Mucuri) e Leste. A Região Central, que também foi atingida na semana passada, também deve registrar precipitações, mas em volumes inferiores aos vistos na última semana, registra o Igam.

Na Zona da Mata, a previsão é de tempestades severas, com enxurrada, raios, ventania e chances de granizo. Já no Leste do Estado, segundo o IGAM, alguns municípios podem registrar acumulados expressivos de precipitação com valores que poderão ultrapassar os 100 milímetros em um intervalo de 24 horas.

Confira abaixo a lista de cidades que podem ter mais de 100 milímetros de chuva até esta terça-feira:

Almenara, Pedra Azul, Araçuaí, Teófilo Otoni, Nanuque, Governador Valadares, Mantena, Peçanha, Ipatinga, Guanhães, Caratinga, Aimorés, Manhuaçu, Itabira, Ponte Nova, Manhuaçu, Viçosa, Muriaé, Ubá, Cataguases, Barbacena, Juiz de Fora, Conselheiro Lafaiete, Ouro Preto, Sete Lagoas, Itabira, Conceição do Mato Dentro, Curvelo, Diamantina, Bocaiuva, Três Marias, Paracatu, Patos de Minas, Patrocínio, Unaí, Pirapora, Montes Claros, Grão Mogol e Januária.

Dicas de segurança da Defesa Civil de Minas Gerais

Em meio ao risco de tempestades severas, confira algumas dicas de segurança da Defesa Civil de Minas Gerais, para serem adotadas durante a chuva:

  • Evite ruas e avenidas sujeitas a alagamentos, mudando seu trajeto para locais mais seguros;
  • Se estiver dirigindo, não tente atravessar vias com água acima da metade da roda (observe outros carros);
  • Em casa, desligue os aparelhos elétricos das tomadas;
  • Procure abrigo em local seguro, alto e seco, ou no ponto de refúgio de seu bairro;
  • Não retorne à área de risco até a liberação pelas autoridades competentes;
  • Não fique em campo aberto, nem próximo a árvores ou postes;
  • Não caminhe, brinque, atravesse ou dirija em locais alagados;
  • Seja solidário. Ajude quem necessitar, mas sem se expor a riscos;
  • Para que você não tenha seus aparelhos queimados por uma eventual descarga elétrica, tire o fio de energia de eletrônicos e eletrodomésticos da tomada.

Números

Subiu para 47 o número de mortes provocadas pelas chuvas em Minas Gerais na última semana.  A informação foi divulgada pela Defesa Civil Estadual na noite desta segunda-feira (27/01). Quatro pessoas seguem desaparecidas nos municípios de Luisburgo e Conselheiro Lafaiete.

Quer saber as notícias do Aconteceu no Vale em primeira mão? Siga-nos no Facebook @aconteceunovale, Twitter @noticiadosvales e Instagram @aconteceunovale.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.