Operação Novo Comando prende chefe do tráfico em Araçuaí, no Vale do Jequitinhonha

0

A operação Novo Comando, desencadeada pela Polícia Civil nesta terça-feira (19/11/2019), resultou na prisão de A.P.A, 38 anos, e I.G.S, 20, suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas e responsáveis por inúmeros homicídios na cidade de Araçuaí. Um terceiro suspeito de integrar a organização criminosa, G.L.S, 22, já se encontrava no Sistema Prisional.

A.P.A é investigado por ser mandante de vários homicídios na cidade de Araçuaí. Já I.G.S e G.L.S seriam os executores dos crimes, agindo somente sob as ordens de A.P.A.

A motivação dos homicídios seria a expansão do domínio de tráfico de drogas na cidade idealizada por A.P.A. Dessa forma, os traficantes rivais e aqueles que não se uniam a ele eram executados.

De acordo com o Delegado Geovane Klipel, a PCMG já vinha monitorando a organização criminosa há algum tempo, coletando provas da liderança de A.P.A. “Tal organização vinha ganhando espaço, impondo terror em meio à população, de forma a comandar o crime organizado e tráfico de drogas. Por esses motivos, vários outros crimes acabavam sendo cometidos em decorrência da imposição do poderio desta facção”, explicou.

Ainda de acordo com o Delegado, A.P.A estaria recrutando vários indivíduos, inclusive menores, para integrar o grupo criminoso e ampliar seus domínios. Ele também estaria procurando aliados em outros estados para expandir a atuação dele.

Com a prisão dos suspeitos e apreensão de uma arma de fogo, a Polícia Civil continuará as investigações e analisará a participação deles em diversos outros crimes. O nome da operação faz referência à pretensão do principal suspeito em estabelecer um “novo comando” na região.

Foto: Divulgação / PCMG
Foto: Divulgação / PCMG

VER PRIMEIRO: Receba as notícias do Aconteceu no Vale em primeira mão. Clique em curtir no endereço www.facebook.com/aconteceunovale.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.