O mercado global do streaming ao vivo em 2025: as principais marcas, aplicações e regiões geográficas

0

O mercado global de streaming ao vivo é um ponto de análise estratégica para as empresas, já que alguns gigantes do entretenimento, comunicação e redes sociais, já estão aplicando essa ferramenta no seu dia a dia.

Fonte da Imagem: Pixabay.com


Os principais tipos de empresas em transmissão ao vivo


O mercado de streaming ao vivo é usado por vários tipos de plataformas na atualidade, mas o entretenimento é a área onde ele recebeu a melhor recepção. Desde 2016, quando o Facebook liberou a transmissão ao vivo para todos os seus usuários, foi quando esta opção ganhou maior popularidade. Convertendo a interação ao vivo através de vídeo em algo comum, o Facebook popularizou o uso de streaming ao vivo, e suas aplicações em vários contextos. Um exemplo disso é a Betway Casino, onde os usuários interagem ao vivo através de vídeo com os croupiers, usando os controles oferecidos dentro da plataforma, e sem a necessidade de ter uma webcam, para participar dos jogos de cassino mais populares, como Poker, Blackjack ou Roleta. Outro exemplo popular é o da plataforma Twitch, onde os gamers mais populares transmitem os seus jogos ao vivo, para que outros jogadores veem os seus melhores truques, além de interagir com os gamers através de um bate-papo que está integrado dentro dessa plataforma. Entretanto, existem outras plataformas que tiram proveito deste recurso, como o YouTube, que disponibiliza esse recurso da transmissão ao vivo, para os seus criadores com mais seguidores; ou Periscope, que integra esta ferramenta de transmissão de vídeo ao vivo, com a rede social Twitter.

Fonte da Imagem: Proyecto Gamer Mexico via Facebook


Diferentes mercados internacionais e a análise do mercado de streaming ao vivo

A transmissão ao vivo foi adotada em várias plataformas, principalmente em redes sociais e de entretenimento, conforme mencionado acima. Dentro deste mercado de transmissões ao vivo, as principais regiões geográficas são, América do Norte, Europa, Ásia-Pacífico, América do Sul, África e Oriente Médio. Além das plataformas mencionadas anteriormente, os mercados que operam no outro lado do mundo têm seus principais expoentes em marcas como Tencent, Alibaba, Baidu e Xiaomi, que aproveitam os desenvolvimentos da transmissão ao vivo em contextos como comunicação e redes sociais. O estudo do mercado de streaming ao vivo nos permite entender as tendências atuais em seu uso, bem como fazer uma projeção no futuro, para que as principais empresas de hoje, concentrem seus esforços para se manterem à frente da concorrência. Um relatório recentemente publicado pelo grupo de especialistas e analistas do Absolute Report, procura dar um contexto de estudo às empresas que estão definindo o rumo deste mercado, de acordo com seu tipo de clientes, estratégias de desenvolvimento e contexto geográfico. Essa análise também tem como objetivo prever a direção que esse negócio vai tomar nos próximos anos, avaliando as tendências históricas desse mercado e a possível direção que terá em 2025.

O contexto da transmissão ao vivo no Brasil

O Brasil tem um papel fundamental dentro dos mercados que moldam o futuro das transmissões ao vivo, pois, é o principal mercado na região da América do Sul. Grande parte disso se deve ao fato do que Brasil é o segundo país com mais usuários que entram diariamente no Facebook, atrás apenas da Índia. Isso representa mais de 47 milhões de brasileiros usando esta plataforma a cada dia, e que têm acesso a ver transmissões de vídeo ao vivo, em uma base diária. No entanto, esse tipo de ferramenta também é usado para aprendizado. Um exemplo disso é mostrado com a UFMG, que aproveita as redes sociais para treinar dentistas dentro do país, fazendo uso do streaming de vídeo ao vivo a partir de 2015. Além disso, é comum que os estudantes de cursos a distância usem a internet para trocar informações e conselhos, aproveitando as ferramentas disponíveis, como a transmissão ao vivo, e fazendo uso de fóruns de discussão.

Fonte da Imagem: Pexels.com


O mercado de streaming ao vivo continuará a crescer consideravelmente nos próximos anos, devido à grande variedade de usos e aplicações que oferece, como comunicação, redes sociais, entretenimento e aprendizado. Além disso, espera-se que, até 2025, a concorrência nesse mercado continue a ser dominada pelas grandes empresas que desenvolvem o software que torna possível a transmissão ao vivo, forçando os desenvolvedores independentes e os pequenos concorrentes a melhorarem exponencialmente a qualidade dos serviços que oferecem.

VER PRIMEIRO

Receba as notícias do Aconteceu no Vale em primeira mão. Clique em curtir no endereço www.facebook.com/aconteceunovale ou no box abaixo:

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.