Home / Leste de Minas / Moradora do Leste de Minas mente que foi estuprada para marido não descobrir traição

Moradora do Leste de Minas mente que foi estuprada para marido não descobrir traição

Uma jovem de 20 anos foi conduzida à Delegacia após mentir que havia sido abusada sexualmente em Santa Rita de Minas, na região do Rio Doce, nessa sexta-feira (16/02/2018).

Aos militares, a jovem inventou que um homem armado invadiu a casa dela fazendo ameaças e, em seguida, cometeu o estupro. Policiais da cidade e de municípios vizinhos começaram rastreamento na tentativa de localizar o suposto criminoso.

No entanto, durante a ocorrência, alguns moradores da região disseram às equipes policiais que já tinham visto esse homem indo para o imóvel da dona de casa em datas anteriores, inclusive, dormindo no local.

Em nova conversa com os policias, a mulher confessou a mentira afirmando que inventou o abuso para que a traição não fosse descoberta pelo marido.

A mulher poderá responder por denunciação caluniosa, com pena de dois a oito anos de prisão, além de multa.

VER PRIMEIRO

Receba as notícias do Aconteceu no Vale em primeira mão. Clique em curtir no endereço www.facebook.com/aconteceunovale ou no box abaixo:


(Fonte: O Tempo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>