Minas Gerais terá mais 36 escolas estaduais com oferta de Educação Integral no ensino médio

0

Em 2018, Minas Gerais passará a contar com 80 escolas estaduais atendendo a alunos do ensino médio na Educação Integral e Integrada. Além das 44 escolas que iniciaram a oferta em 2017, para o próximo ano, o Ministério da Educação (MEC) já deferiu uma lista com outras 36 escolas que iniciarão as atividades em 2018. Com essa nova listagem, a expectativa é que Minas Gerais tenha cerca de 19.600 estudantes do ensino médio participando da Educação Integral e Integrada.

As escolas escolhidas para integrar a iniciativa foram selecionadas a partir de critérios definidos pelo MEC, por meio do Programa de Fomento à Educação em Tempo Integral, como condições de vulnerabilidade social, índice socioeconômico abaixo da média do estado e o atendimento mínimo de 120 estudantes matriculados no 1º ano do ensino médio.

Após a escolha das escolas, a superintendente de Desenvolvimento do Ensino Médio da Secretaria de Estado de Educação (SEE), Cecília Resende, pontua os próximos passos.

“A partir de agora, temos um cronograma de encaminhamentos. Já enviamos ao MEC um termo de responsabilidade para o desenvolvimento das ações nas 36 escolas. Agora vamos realizar um grande encontro no próximo mês, no qual vamos trazer pessoas envolvidas com as escolas, e promover uma imersão para que elas possam entender o programa e a proposta”, afirma.

Para que a implementação da Educação Integral e Integrada aconteça nas escolas, Cecília destaca ainda a importância da participação da comunidade escolar. “O grande mote do nosso projeto é a participação dos estudantes a construção do currículo nessas escolas”, conclui.

Confira aqui a lista com o nome das escolas.

Educação Integral e Integrada

O objetivo da ação é possibilitar a formação integral de crianças, jovens e adolescentes, ampliar a oferta de saberes, incluir os campos das artes, cultura, esporte, lazer, mobilizando-os para melhoria do desempenho escolar, fortalecer a Rede Estadual de Educação Profissional, garantir a proteção social e a formação para a cidadania e reduzir a evasão.

A Educação Integral e Integrada na educação básica assegura jornada escolar igual ou superior a 7 horas diárias (ou 35 semanais) durante o período letivo e vem ao encontro das metas do Plano Nacional de Educação (PNE) que tem como propósito assegurar o acesso e permanência dos estudantes na educação básica, com melhoria da qualidade do ensino e o respeito à diversidade, garantindo as condições ao desenvolvimento de saberes e habilidades dos estudantes, ampliando a oferta da jornada em tempo integral.

VER PRIMEIRO

Receba as notícias do Aconteceu no Vale em primeira mão. Clique em curtir no endereço www.facebook.com/aconteceunovale ou no box abaixo:


(Fonte: Agência Minas)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.