16 de dezembro de 2018 - 4:01
Home / Vale do Mucuri / Adolescentes são vítimas do jogo Baleia Azul em Teófilo Otoni

Adolescentes são vítimas do jogo Baleia Azul em Teófilo Otoni

A polícia de Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri, já registrou três ocorrências sobre envolvimento de menores com o jogo Baleia Azul. O caso mais recente ocorreu na manhã desta quinta-feira (04/05/2017), quando uma adolescente de 17 anos tentou exterminar a própria vida pulando de uma altura de aproximadamente seis metros.

De acordo com a Polícia Militar (PM), a vítima teria recebido ameaças, através de um aplicativo de celular, para cortar o antebraço e em seguida se matar. A jovem cumpriu a ordem para mutilar o próprio corpo, tentou quebrar o telefone e em seguida pulou de um paredão dos fundos da residência dela.

A vítima sofreu algumas escoriações pelo corpo e foi encaminhada para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA), onde recebeu atendimento médico e em seguida foi transferida para outra unidade de saúde. A Polícia informou ainda que a menor assumiu estar participando do game bizarro.

Adolescente foi levada para a UPA (Foto: Divulgação)

Outros casos

O primeiro caso foi registrado no dia 20 de abril. De acordo com a polícia, uma jovem de treze anos tentou se jogar debaixo de um carro. Percebendo que havia algo errado, o responsável pela menor descobriu que ela estava participando do jogo e registrou uma ocorrência.

Já no dia 28 de abril, uma adolescente de 14 anos foi socorrida com ferimentos provocados por objeto cortante, possivelmente uma navalha, no rosto. Familiares encontraram indícios de que ela estaria participando do Baleia Azul e acionaram a polícia.

A polícia está investigando os casos registrados e acredita que mais jovens da cidade estão envolvidos no jogo. Os pais devem ficar atentos ao comportamento dos filhos e principalmente monitorar o que está sendo acessado na internet.

Saiba como identificar vítimas do jogo

- Falar sobre morte e suicídio, mesmo que indiretamente, como vontade de “sumir”, “desaparecer”, “ir embora”;
- Isolamento (afastar-se da família, dos amigos);
- Perda do interesse em atividades que costumava fazer;
- Perda do interesse nas pessoas;
- Mudança no hábito de sono (insônia ou aumento das horas dormidas);
- Mudanças dos hábitos alimentares (perda ou aumento de apetite);
- Irritabilidade, crises de raiva;
- Piora no desempenho escolar;
- Recusa a ir à escola;
- Comportamentos autodestruitivos (automutilação, uso de álcool e drogas, exposição a situações de riscos);
- Ter tentativas de suicídios anteriores;
- Mudanças de comportamento em geral;
- Em pessoas que vem com quadro depressivo, melhora repentina (podem simular melhora para conseguir executar o ato suicida);
- História de suicídio ou tentativa de suicídio na família;
- Diagnóstico prévio de doença mental;
- Exposição à violência;
- Situação de bullyng;
- Abuso sexual prévio ou recente;
- Postagem de baixo-autoestima nas redes sociais;
- Interesse anormal por filmes de terror, passando horas assistindo;
- Preocupações repentina com mortes, morrer e violência.

VER PRIMEIRO

Receba as notícias do Aconteceu no Vale em primeira mão. Clique em curtir no endereço www.facebook.com/aconteceunovale ou no box abaixo:


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>