Deputado Gil Pereira é citado em lista de contribuições ilegais da Odebrecht

0

O deputado estadual Gil Pereira (PP) consta em uma lista de contribuições ilegais feitas pela Odebrecht entre 2008 e 2014. A lista foi entregue pelo ex-executivo da Odebrecht Benedicto Barbosa da Silva Júnior à Justiça.

No dia 11 de abril, o ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou investigações contra políticos a partir do pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. A PGR fez o pedido com base nas delações dos ex-executivos da Odebrecht.

De acordo com a lista do ex-executivo do Departamento de Operações Estruturadas, conhecido como setor de propina, Gil Pereira tem o apelido de Lagarto. Ele é suspeito de receber R$ 250 mil, em cinco pagamentos, para apresentar emendas e projetos de interesse da companhia.

O deputado afirmou que desconhece e repudia toda e qualquer ilação ou impropérios que envolvam sua conduta parlamentar. Afirma ainda que, em oito mandatos eletivos, pautou sua trajetória exclusivamente na defesa dos interesses do povo mineiro.

Deputado Estadual Gil Pereira (Foto: Divulgação)

VER PRIMEIRO

Receba as notícias do Aconteceu no Vale em primeira mão. Clique em curtir no endereço www.facebook.com/aconteceunovale ou no box abaixo:


(Fonte: G1 Minas)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.