Home / Norte de Minas / Ex-prefeito de Taiobeiras é condenado por estupro de vulnerável

Ex-prefeito de Taiobeiras é condenado por estupro de vulnerável

Preso por suspeitas de ter estuprado seis crianças e adolescentes em Taiobeiras, no Norte de Minas Gerais, o ex-prefeito da cidade, Joel da Cruz Santos, de 76 anos, foi condenado pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) a 26 anos, dez meses e 24 dias de prisão. A decisão, divulgada nessa terça-feira (6), é relativa a apenas dois dos abusos apurados.

Santos era investigado há mais de 15 anos pelos crimes. As apurações da Polícia Civil mostraram que ele pagava entre R$ 10 e R$ 200 para levar crianças, com idades de 5 a 15 anos, para o sítio dele, onde elas eram estupradas. As informações constam no inquérito policial e nos autos da ação e foram repassadas pelo delegado da Polícia Civil Alessandro Lopes.

Os abusos começaram a ser investigados em 2015, quando a Justiça decretou a prisão preventiva do ex-prefeito, uma vez que ele já havia sido denunciado anteriormente pelo crime. Contudo, Santos foi localizado e preso apenas em abril deste ano, em uma fazenda dele, em Curionópolis, no Estado do Pará.

Ao ser preso, o ex-prefeito comentou que estava sendo vítima de perseguição política. Detido no presídio de Montes Claros, no Norte de Minas Gerais, ele ainda responderá pelos outros quatro abusos dos quais é suspeito. Santos governou Taiobeiras de 1997 a 2003.

Em 2005, Santos foi denunciado por abusos de menores e absolvido por falta de provas. Ele foi considerado suspeito de uma tentativa de homicídio, mas não chegou a ser denunciado.

Mãe recebia pelos estupros

A denúncia julgada pelo TJMG refere-se ao estupro de duas irmãs, de 5 e 10 anos. Em troca de dinheiro, a mãe das meninas levou as filhas à casa do político, onde ele estuprou as menores. presa, ela é processada por aliciamento de menores. No julgamento, o prefeito alegou que ajudava financeiramente a família.

Ex-prefeito de Taiobeiras foi condenado a mais de 26 anos de prisão (Foto: Divulgação)

(Fonte: O Tempo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>