Feriado prolongado termina com 14 pessoas assassinadas nos Vales do Jequitinhonha, Rio Doce e Mucuri

0

Ao menos 14 pessoas foram assassinadas durante o feriado prolongado da Proclamação da República em municípios das regiões Nordeste (Vales do Jequitinhonha e Mucuri) e Leste (Vales do Aço e Rio Doce) de Minas Gerais. As ocorrências foram registradas pela Polícia Militar (PM), entre sexta-feira (11/11) e terça-feira (15/11), em Bom Jesus do Galho, Governador Valadares, Açucena, Iapu, Santa Bárbara do Leste, Itabira, Almenara, Coronel Murta, Coronel Fabriciano, Teófilo Otoni, Ipatinga, Caraí e Salto da Divisa.

O crime mais recente foi praticado no distrito de Revés do Belém, no município de Bom Jesus do Galho. De acordo com a PM, Rodrigo Silvério de Moura, de 36 anos, estava assistindo televisão com a família quando indivíduos desconhecidos quebraram o vidro da porta da cozinha.

Familiares relataram que Rodrigo foi verificar o que estava acontecendo, momento que foi atingido por um disparo de arma de fogo na altura da barriga. A vítima foi socorrida por populares e encaminhada para o Hospital Márcio Cunha, em Ipatinga, onde deu entrada sem vida.

Após a prática do crime, os autores pularam um muro que fica nos fundos da casa e tomaram rumo ignorado. Até o momento ninguém foi preso.

Ainda segundo a PM, em data pretérita, Rodrigo teria se desentendido com um homem por causa do furto de sua motocicleta. A vítima teria ameaçado o suspeito por acreditar em seu envolvimento na subtração do veículo.

Dois homicídios em Governador Valadares

Um jovem de 19 anos foi encontrado morto, dentro de casa, na noite dessa terça-feira (15/11), no Bairro Figueira do Rio Doce (região do Penha), em Governador Valadares. Segundo a Polícia Militar, a vítima Pedro Felipe tinha ferimentos na cabeça, que teriam sido provocados por pauladas e pedradas.

Segundo a polícia, alguns adolescentes foram vistos fugindo da casa da vítima após o crime. Próximo ao corpo, alguns pedaços de madeira e de concreto foram localizados e apreendidos, e foram levados para a delegacia da cidade. O corpo foi levado para o IML da cidade, e os adolescentes ainda não foram localizados.

O outro caso foi registrado no quilômetro 162 da BR-381. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o corpo de um homem foi encontrado jogado no meio da pista, na entrada de Valadares. A Perícia esteve no local e constatou duas perfurações na cabeça da vitima. Suspeitos dos crimes são procurados.

Vingança pode ter motivado homicídio no município de Açucena

Sueleno Marques de Oliveira, de 35 anos, foi morto a tiros na noite de segunda-feira (14/11) dentro de uma casa no Povoado de Coqueiros, município de Açucena (MG). Um homem de 32 anos foi baleado no ombro direito. A.M.S, de 35 anos, e W.J.G.T, de 22, são procurados pela Polícia Militar.

De acordo com a PM, os autores eram conhecidos das vítimas e o crime pode ter sido motivado por vingança. No momento em que efetuou os disparos, A.M.S teria falado “agora vocês vão dar conta de quem matou meu tio Betinho”, se referindo a Santos Reis da Silva Nicacio, que foi assassinado no dia 29/08/2015, no Povoado de Coqueiros.

Sueleno foi alvejado no ouvido esquerdo e veio a óbito no local. A Perícia Técnica da Polícia Civil foi acionada e após os trabalhos de praxe, o corpo foi removido ao Instituto Médico Legal (IML) em Ipatinga.

Homem foi morto dentro de casa em Açucena (Foto: Divulgação)

Idosa morre após ser amordaçada durante assalto em Iapu

Uma idosa de 71 anos morreu após ser amordaçada por criminosos durante um assalto. Segundo a Polícia Militar, a suspeita é de que Mariana Francisca dos Reis faleceu por asfixia. A ocorrência foi registrada no Córrego da Batata, na zona rural de Iapu (MG), no domingo (13/11).

Ainda de acordo com a PM, dois homens bateram na porta da casa onde a idosa estava com outra mulher, entraram e renderam as vítimas, que foram amordaçadas e amarradas.

Os assaltantes fugiram levando R$ 2 mil e deixaram as mulheres amordaçadas, uma delas conseguiu se soltar e buscou por socorro. Até o momento ninguém foi preso.

Quatro presos após homicídio em Santa Bárbara do Leste

Cinco homens foram presos após um homicídio registrado na noite de sábado (12/11) no Bairro Nossa Senhora de Lourdes, em Santa Bárbara do Leste (MG). O auxiliar de serviços gerais Lúcio Rosa Ferreira foi morto a tiros em um cafezal às margens da Avenida Geraldo da Silva Araújo. G.R.O, de 28 anos, foi preso por autoria do crime. Já L.P.M, de 18 anos, W.S.R.S, de 20 e L.J.S, de 18, foram abordados em um táxi que seguia sentido a Santa Rita de Minas e conduzidos à Delegacia por porte ilegal de arma de fogo. Dois revólveres calibre ponto 32 municiados foram apreendidos pela Polícia Militar.

De acordo com a PM, o assassinato pode ter sido motivado por um desentendimento entre Lúcio e G.R.O por causa de um celular. Um segundo suspeito do crime, M.S, de 27 anos, é procurado pela polícia.

Homem de 46 anos é assassinado dentro de bar em Itabira

Paulo Procópio Gomes, de 46 anos, foi assassinado na noite de segunda-feira (14/11) no bairro Nossa Senhora das Oliveiras, em Itabira (MG). A vítima estava em um bar da Rua Ouro Preto quando foi surpreendida por um atirador mascarado. De acordo com a PM, o autor chegou ao local na garupa de uma motocicleta, entrou no estabelecimento e atirou várias vezes contra a vítima.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) compareceu ao local e constatou o óbito. A Perícia Técnica da Polícia Civil recolheu 16 cápsulas calibre ponto 380 e três projeteis do mesmo calibre. Um homem que havia se desentendido com a vítima em data pretérita é o principal suspeito do crime.

Polícia procura suspeitos de homicídio em Almenara

A polícia de Almenara, no Vale do Jequitinhonha, procura por um trio que matou um adolescente de 16 anos na tarde de sábado (12/11/2016). Segundo informações da Polícia Militar (PM), a vítima Wille Pereira da Rocha estava caminhando em via pública, quando foi abordada por três homens, que efetuaram cerca de doze disparos.

O adolescente tentou correr para dentro de uma serralheria, mas foi perseguido e alvejado, morrendo no local.

Após o crime, a PM recebeu uma denúncia informando que os autores do crime estavam em um carro branco, onde também estava uma mulher. Os envolvidos fugiram sentindo a cidade de Mata Verde. Horas depois a polícia localizou o veículo abandonado em um matagal no município.

Um dos autores é um jovem de 21 anos, que já foi identificado, mas até o momento ninguém foi preso. A motivação do homicídio ainda é desconhecida.

Jovem foi morto na tarde de sábado (Foto: Reprodução/Jornal do Tola)

Adolescente mata jovem de 23 anos durante discussão em bar de Coronel Murta

Um adolescente de 16 anos é suspeito de matar a tiros um jovem, de 23, na noite de sábado (12/11/2016) no bairro Maria da Glória, conhecido por Mutirão, em Coronel Murta, no Vale do Jequitinhonha. O crime ocorreu na Avenida Minas Gerais, nas proximidades de um bar, por volta das 21h50.

Uma adolescente de 14 anos, namorada de José Augusto Vieira dos Santos, contou que ele pisou no pé do suspeito e que chegou a pedir desculpas, mas o fato acabou gerando uma discussão entre os dois. Na sequência, o adolescente sacou de um revólver e efetuou os disparos.

José Augusto chegou a ser levado com vida para uma Unidade de Saúde local e devido à gravidade dos ferimentos, foi removido para o hospital de Araçuaí, onde deu entrada já sem vida.

Segundo a perícia, a vítima apresentava quatro perfurações no tórax e um ferimento na cabeça. O corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal de Almenara para exames.

De acordo com a Polícia Militar, militares foram até à casa do adolescente, que mora no mesmo bairro onde o crime ocorreu, porém, ele não foi encontrado. Segundo testemunhas, ele teria fugido de bicicleta para um local conhecido por Vereda, zona rural do município. A polícia informou que fez rastreamentos no local, mas o infrator não foi localizado.

José Augusto tinha 23 anos (Foto: Divulgação)

Três mortos após triplo homicídio em Coronel Fabriciano

Guilherme Vítor Santos Kaizer da Silva, de 19 anos, foi a sexta vítima de homicídio em Coronel Fabriciano em uma semana. Ele foi morto a tiros no início da madrugada de domingo (13/11) na Rua Guarani, no bairro Caladinho de Cima. Um adolescente de 15 anos também foi baleado.

De acordo com a PM, o autor do crime estaria desconfiado do envolvimento das vítimas no assassinato de três mulheres ocorrido no mesmo bairro.

Ainda em Coronel Fabriciano, na madrugada de quinta-feira (10/11), dois jovens foram mortos a tiros. Hudson Marques Souza Silva, de 17 anos, e Neuton Brandão Neto, de 18, foram baleados no Bairro Santa Cruz. O duplo homicídio também foi associado ao triplo homicídio registrado no bairro Caladinho de Cima.

Grávida de sete meses é assassinada no município de Teófilo Otoni

Uma adolescente de 17 anos foi assassinada no início da madrugada desse domingo (13/11/2016), no município de Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri. De acordo com a Polícia Militar (PM), Ana Carolaine Conceição das Graças, que estava grávida de sete meses, foi baleada na Rua das Flores, no Distrito de Mucuri. A vítima foi socorrida por populares, mas não resistiu ao ferimento e veio a óbito.

Ainda segundo a PM, uma testemunha relatou que estava chegando a sua casa quando escutou um disparo de arma de fogo e em seguida viu a vítima caída no chão. Um homem, que seria morador de Teófilo Otoni, foi visto saindo do local em desabalada carreira.

O médico de plantão do Hospital Santa Rosália informou que a adolescente já chegou à unidade de saúde sem vida e apresentava uma perfuração na região temporal direita com exposição de massa encefálica. Grávida de 32 semanas, o bebê também morreu.

Até o momento a motivação do crime é desconhecida e o autor ainda não foi localizado. O corpo da vítima foi liberado para o Instituto Médico Legal (IML) em Teófilo Otoni.

Vítima chegou sem vida no Hospital Santa Rosália (Reprodução/Diário de Teófilo Otoni)

Homem é espancado até a morte em Ipatinga

Um homem de 59 anos foi assassinado pelos sobrinhos-netos na noite de sábado (12/11) no bairro Bethânia, em Ipatinga. Gonçalo de Oliveira Silva foi espancado por dois jovens, de 19 e 22 anos, após ameaçar o pai deles. Um dos autores foi preso e o outro é procurado pela polícia.

Borracheiro é assassinado em Caraí

Damião Lopes de Oliveira, de 31 anos, foi assassinado dentro de uma borracharia de sua propriedade em Caraí, no Vale do Jequitinhonha. De acordo com a PM, testemunhas relataram o autor estava em uma motocicleta de cor branca e evadiu sentido a Catuji.

Ainda segundo a PM, a vítima teria envolvimento com o tráfico de drogas e roubos de cargas, tendo inclusive cumprido pena na Penitenciária de Teófilo Otoni e o homicídio pode estar relacionado com as práticas ilícitas.

Homem morto a golpes de facão em Salto da Divisa

José Mário Paiva dos Santos, de 28 anos, conhecido como Pastorzinho, foi morto a golpes de facão na madrugada de sexta-feira (11/11) no interior de uma residência da Rua Vereador Odir Barreira, em Salto da Divisa. Uma testemunha relatou que quatro indivíduos se identificaram como policiais e mataram a vítima, no entanto ela apresentou versão controversa à outra pessoa que estava no local. Os dois envolvidos, de 15 e 23 anos, foram conduzidos à Delegacia de Almenara para demais providências. A arma utilizada no crime foi apreendida pela PM.

Polícia procura autores de triplo homicídio em Coronel Fabriciano

Três jovens foram assassinadas no início da madrugada desta quarta-feira, 09 de novembro de 2016, no bairro Caladinho de Cima, em Coronel Fabriciano, na Região Metropolitana do Vale do Aço. Ludmila Gonçalves de Melo, de 18 anos, Dayara Nunes Chagas, de 23, e Tais Teodora da Silva Rocha, de 23, foram atingidas por disparos de arma de fogo em uma casa da Rua Tamoios. Um dos suspeitos do crime já foi identificado e é procurado pela polícia.

O crime chocou moradores do bairro. Após várias ligações anônimas, policiais militares compareceram ao local informado pelos denunciantes e depararam com dois corpos na varanda de entrada da residência e outra vítima na cozinha.

De acordo com a Polícia Militar (PM), populares relataram que acordaram com o barulho de vários tiros e dois indivíduos foram vistos pulando o portão do imóvel. A Polícia Militar realizou rastreamentos, mas os suspeitos não foram localizados.

A Perícia Técnica da Polícia Civil foi acionada e após os trabalhos de praxe, os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) em Ipatinga.

A motivação do crime ainda é desconhecida e será investigada pela Polícia Civil. Ainda segundo a PM, Dayara é natural de Coronel Fabriciano. Já, Tais e Ludmila eram de Caratinga. As três moravam em um barracão, nos fundos de uma residência na rua Tamoios havia apenas dois dias.

Dayara Nunes, Ludmila Gonçalves e Tais Teodora foram assassinadas em uma casa no bairro Caladinho de Cima, em Coronel Fabriciano (Fotos: Cedidas pelo Plantão Policial Ipatinga)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.